A AMCM exige que os bancos assegurem triagem e apela à generalidade do público para não se deslocar às instalações dos bancos apressadamente, para acompanhamento dos negócios

25 de Julho de 2022

Tendo em conta que, a partir de hoje (dia 25), parte das agências dos bancos volta a prestar serviços ao público, a AMCM, por um lado, exige aos bancos que assegurem os trabalhos relacionados com a prevenção da epidemia adoptando medidas de triagem e, por outro, apela ao público para se deslocar às instalações dos bancos, em períodos diferentes, atendendo aos fluxos de pessoas, de modo a reduzir a aglomeração de pessoas e evitar a ocorrência de filas em clima de altas temperaturas.

Em articulação com as medidas de prevenção da epidemia adoptadas pelo Governo da RAEM, os bancos voltam a abrir determinada parte das suas agências, com um horário de expediente compreendido entre as 12h00 e as 17h00. Para o efeito, a AMCM exigiu aos bancos que adoptem um conjunto de medidas de prevenção de epidemia, de acordo com as Orientações de Prevenção Epidemiológica dos Serviços de Saúde, no sentido de assegurar a saúde dos seus trabalhadores e clientes, bem como os trabalhos relacionados com a triagem, por exemplo, prestação de serviços através do sistema de distribuição de senhas ou marcação prévia do atendimento, de modo a evitar a aglomeração de pessoas.

Ora, tendo em conta que se têm verificado recentemente em Macau altas temperaturas, a AMCM apela ao público para não se deslocar pessoalmente às agências das instituições financeiras, quando não se tratarem de assuntos de grande urgência, devendo utilizar os serviços “on-line” disponibilizados por estas instituições. No entanto, nas situações de necessidade de tratamento obrigatório do assunto nas agências bancárias, o público deve deslocar-se às instalações, em períodos diferentes, de modo a reduzir o respectivo tempo de permanência.

25 de Julho de 2022


Última revisão: 2022-07-26 14:57:06